07/07/2017

A Diferença Invisível

  e arquivado em    

Marguerite tem 27 anos, e aparentemente nada a diferencia das outras pessoas. É bonita, vivaz e inteligente. Trabalha numa grande empresa e vive com o namorado. No entanto, ela é diferente. Marguerite se sente deslocada e luta todos os dias para manter as aparências. Seus movimentos são repetitivos e seu universo precisa ser um casulo. Ela se sente assolada pelos ruídos e pelo falatório incessante dos colegas. Cansada dessa situação, ela irá ao encontro de si mesma e descobrirá que é autista – tem a Síndrome de Asperger. Sua vida a partir daí se transformará profundamente.

Resenha

Uma HQ linda sobre a síndrome de aspeger!!
Marguerite é uma mulher independente ,mora com seu cachorro,gatos e namorado.
Tem um bom emprego,mas algo não a deixa a vontade...
Ela se sente mal quando tem muitas pessoas ao redor,barulhos e não entende bem piadas.
Sempre usa as mesmas roupas e não se liga nas tendências de moda que mulheres da idade dela acham primordial.
O namorado dela,as vezes sempre fica chateado com ela ,porque ela prefere ficar em casa,a ter que socializar com as pessoas á sua volta.
Desde que ela se lembra da vida dela ,ela sempre foi assim...e ela acha que a algo diferente com ela..
É um longo caminho até ela chegar á um diagnóstico da síndrome de aspeger.
Sempre o mesmo desconhecimento dos médicos,preconceito das pessoas ,o que gera a dificuldade de ter um diagnóstico.
A HQ é tão meiga!! É tão triste ver o sofrimento dela com esse mundo que não a aceita com suas particularidades.
Mas...enfim ,quando ela descobre seu verdadeiro estado ,as coisas melhoram ,pois ela começa a entender o que se passa com ela,e saber que existe milhares de pessoas que também são portadoras da síndrome.
É uma HQ ,que todos deveriam ler,pois é maravilhosa e muito lindas as ilustrações.

ESSE É O CANAL DA JULIE AQUI
Leiam e assistam o canal!! eu amei.
Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

2 comentários

  1. Fiquei aqui pensando em como essa síndrome pode ser diferente em cada pessoa que a tem.
    Acho que esse HQ é uma forma de mostrar as pessoas que nem tudo é como está em uma notícia sobre o assunto, ou que os sintomas se apresentam da mesma forma em quem conhece ou ouviu falar.

    Sim, esse HQ tem realmente que ser lido por todos.

    Muito bom! 😊

    ResponderExcluir
  2. Day!
    O mais bacana é que é uma história real, o que deixa as pessoas mais a vontade caso tenham a doença.
    Deve ser uma ótima HQ para se ler e aprender mais um pouco.
    E pelo vídeo dela, ninguém nem nota sua dificuldade, né?
    Um maravilhoso final de semana!
    “Não saber é o que torna nossa vida possível.” (Lya Luft)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir



PRA CIMA!