03/07/2017

Silêncio

  e arquivado em    


O mais aclamado romance de Shusaku Endo, adaptado para o cinema por Martin Scorsese Com Andrew Garfield e Liam Neeson no elenco, trata da força da fé em tempos perigosos. Profundo observador dos dramas humanos, o escritor narra em Silêncio a saga de missionários portugueses no Japão do século XVII, um período em que os cristãos locais eram brutalmente oprimidos. Capturados e forçados a ver seus companheiros japoneses abrirem mão da vida pela fé, os jesuítas começam a testemunhar crueldades inimagináveis que testam suas próprias crenças. 

Shusaku Endo (1923-1996) é um dos mais celebrados e conhecidos escritores japoneses. 

“Um dos romances mais refinados do século XX.” Graham Greene, Escritor Britânico

“Um dos melhores romances históricos já escritos.” David Mitchell, Escritor Britânico

“Silêncio é a história de um homem que aprende – tão dolorosamente – que o amor divino é mais misterioso do que imagina.” Martin Scorsese, Cineasta

Resenha

"Houve época em que existiram homens da igreja"

O livro conta a história de padres católicos ,que no século 16 ,faziam uma longa jornada para o japão,para pregar e consolidar a fé cristã naquele país tão exótico.
Os padres iam para aldeias onde os cristãos japoneses viviam um cripto-judaísmo ,se escondendo das autoridades que odiavam e combatiam com violência e tortura quem fosse suspeito de ser cristão.
E assim os padres Rodrigues e Garpe ,se aventuram nessas terras estranhas para pregar o evangelho de jesus .
As condições em o povo vive é de miséria total,alimentação escassa e constante medo de serem entregues as autoridades.
Muitos cristãos japoneses morriam de forma muito cruel,tortura que ia de ficaram pendurados a um poço de fezes ,a serem crucificados.
Famílias inteiras pereciam e DEUS sempre em silêncio não demonstrava e nem realizava milagres e livramentos no meio daquele povo.
O que posso dizer sobre essa leitura ,é que é maravilhosamente triste e rica em história .
Um livro onde podemos entender o porque de tantos homens desistirem da fé,ou se agarrarem nela,como se pudessem ser redimidos de suas vidas miseráveis.
Ainda ,não assisti o filme inspirado nessa obra,porém tenho certeza que deve ser maravilhoso.
super recomento a leitura.





Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

2 comentários

  1. Olá Day, assisti o filme, e realmente é maravilhoso!
    Mas triste também!
    E sinceramente não sabia que era baseado nesse livro.

    Tanto no passado,quanto nos dias atuais,se faz tanta crueldade pela falsa crença em Deus.Como se para justificar tantas atrocidades.

    Gostei da sua indicação!
    E quando der pretendo ler. ☺

    ResponderExcluir
  2. Day!
    Ao contrário de você, já assisti o filme, mas ainda não tive oportunidade de ler o livro e quero, porque por melhor que sejam as adaptações cinematrogáficas, o livro traz mais detalhes e é mais completo.
    Difícil o conflito religioso naquela época e o sofrimento foi grande.
    Um maravilhoso final de semana!
    “Não saber é o que torna nossa vida possível.” (Lya Luft)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir



PRA CIMA!