20/09/2016

Depois de Auschwitz

  e arquivado em    


Em seu aniversário de quinze anos, Eva é enviada para Auschwitz. Sua sobrevivência depende da sorte, da sua própria determinação e do amor de sua mãe, Fritzi. Quando Auschwitz é extinto, mãe e filha iniciam a longa jornada de volta para casa. Elas procuram desesperadamente pelo pai e pelo irmão de Eva, de quem haviam se separado. A notícia veio alguns meses depois: tragicamente, os dois foram mortos.

Este é um depoimento honesto e doloroso de uma pessoa que sobreviveu ao Holocausto. As lembranças e descrições de Eva são sensíveis e vívidas, e seu relato traz o horror para tão perto quanto poderia estar. Mas também traz a luta de Eva para viver carregando o peso de seu terrível passado, ao mesmo tempo em que inspira e motiva pessoas com sua mensagem de perseverança e de respeito ao próximo – e ainda dá continuidade ao trabalho de seu padrasto Otto, pai de Anne Frank, garantindo que o legado de Anne nunca seja esquecido.

Sempre tive vontade de ler esse livro,pois amo tudo que relata o holocausto,talvez por ser de ascendência judaica ,e de certa forma entendo o estigma do anti-semitismo .
O livro conta a história de Eva Schloss 
Menina cheia de vida ,que nasceu de um casal que como muitos judeus,foram prósperos pelo fruto de trabalho duro.
Eva ,cresceu cercada de amor do pai e da mãe que ela chama de Mutti,e de seu irmão amado Heinz.
Uma menina muito cheia de personalidade e energia.
A vida deles mudou completamente quando o nazismo tomou conta da europa,levando milhares de judeus aos campos de concentração.
A vida de Eva ,relatada por ela no livro,conta as etapas do desenrolar dos fatos do holocausto.
Contando o duro destino da sua família e de tantas outras...
Uma dessas famílias era a família de Otto Frank,pai da nossa querida Anne Frank.
Elas foram amigas na infância .
O que me fez gostar mais ainda do livro,foi o fato de ela relatar o que aconteceu com ela e a família ,depois que o nazismo foi derrotado...
O que aconteceu com Eva?
e com seus pais??
É coisas que só lendo e absorvendo a visão de Eva sobre os fatos que mudaram para sempre a humanidade.

 Fotos de Eva e família:

eva pequenina

eva ,a mãe e seu irmão

eva


eva hoje em dia

O livro é maravilhoso! eu super recomendo a leitura.




Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

Um comentário

  1. Oi, Dayse!
    O Diário de Anne Frank foi uma das leituras mais marcantes que eu fiz e me parece que esse livro não deve ficar atrás. Eu me interesso muito pelo período da II Guerra, mas nunca ouvi falar de Eva.
    Obrigada pela dica.

    Beijos!
    Gatita&Cia.

    ResponderExcluir



PRA CIMA!